Conecte-se conosco

Marketing Digital

Tendências de marketing digital podem ajudar seu e-commerce vender mais

Esse ano está sendo o ano das mudanças estratégicas de marketing digital. É claro que entre todos os muitos fatores que estão influenciando as mudanças está a pandemia. Afinal, o distanciamento social fez com que as pessoas se tornassem ainda mais tecnológicas.

No ano passado, essa adaptação foi uma questão de sobrevivência. Para manter as empresas vivas, os empresários foram obrigados a migrar para o mundo digital. Desde então, surgiram novas oportunidades e agora é o momento para aproveitá-las.

Como as tendências de marketing digital podem ajudar seu e-commerce a vender mais?

Confira algumas tendências de marketing digital que irão te ajudar:

Experiências humanas

As pessoas têm a necessidade de contato interpessoal. Antes da pandemia essa necessidade era suprida de maneiras simples. Mas com a ausência do contato físico no dia a dia, as pessoas sentiram a necessidade das experiências humanas por meio do celular e/ou computador.

Para adequar isso à sua estratégia de marketing digital, aposte em um atendimento personalizado e em experiências que simulam a interação humana.

Como fazer isso? Ao invés de um chatbot convencional, seu e-commerce poderá passar a experiência de uma pessoa na conversa. Utilize diálogos descontraídos, com emojis, simulam atendentes reais e facilitam a comunicação.

Imediatismo fortalecido

Quando se está numa loja física, conversamos com o atendente e recebemos o retorno de imediato. Mas quando se está em uma loja online, fica ausente esse aspecto.

As pessoas migraram para o mundo digital, mas trouxeram junto o desejo de serem atendidas de imediato. E a demora no atendimento pode resultar em perdas nas vendas.

Como seu e-commerce pode criar estratégias para essa tendência? Aposte em caminhos mais curtos, configure os atendimentos automáticos para que sejam cada vez mais personalizado e similares ao comportamento humano.

Também é importante treinar sua equipe para atender a todo tipo de público. Valorize seus clientes, lembrando que nem todos possuem a mesma familiaridade com a tecnologia.

Conteúdo gerado pelo usuário

A falta de poder ir a uma loja e analisar o produto com as próprias mãos fez com que as pessoas busquem referencias sobre os produtos a serem adquiridos. É comum as pessoas buscarem revisões de outras pessoas sobre certo item antes de realmente comprá-lo.

Como seu e-commerce poderá se adequar a essa tendência? Disponibilize conteúdo sobre o produto. Em especial coloque os comentários de outros clientes, sobre o que eles acharam do produto.

Se seu e-commerce investir em produtos de qualidade, fica mais fácil obter comentários positivos dos clientes. Assim, estimule seus clientes a gerarem conteúdos positivos sobre seus produtos.

e-commerce omnichannel

O e-commerce omnichannel é um comercio eletrônico multicanal. Isso quer dizer que sua loja online e física precisam estar integradas. E como sabemos, o ideal é que até os sistemas de pagamentos estejam integrados.
Assim o cliente terá opção de visualizar, tirar dúvidas, solicitar orçamentos, comprar e escolher a forma de pagamento e de envio.

Virada da quantidade para a qualidade

Antes era essencial gerar conteúdos para que o Google reconhecesse o e-commerce. Assim eram gerados conteúdos de baixa qualidade. Mas com a pandemia, as pessoas começaram a exigir conteúdos relevantes.

Com isso surgiu um movimento chamado de “slow content”, que traduzido literalmente quer dizer conteúdo lento. Ou seja, as pessoas começaram a optar por conteúdos maiores, mais densos e carregados de informações relevantes.
Seguindo essa tendência, seu e-commerce deve investir em gerar conteúdos de qualidade e que sejam relevantes para seus clientes.

Crescimento das buscas por voz

Os assistentes de voz ganharam força. E com essa tendência em alta, as técnicas de SEO precisam ser otimizadas cada vez mais. Mas não basta as tradicionais configurações de palavras-chave. É necessário um trabalho mais refinado no SEO tanto do site como do blog.

A verdade é que o Google atualiza suas diretrizes de SEO constantemente à medida que o comportamento dos usuários muda. Por isso adeque seu site e blog às novas exigências e mantenha o conteúdo voltado para os consumidores.

Quando for produzir um conteúdo, se coloque no lugar do leitor e procure proporcionar a melhor experiência possível.

Foco em dados e performance

Antes o resultado era medido em curtidas e em seguidores. Mas agora, se seu e-commerce quer ter lucros é preciso utilizar as ferramentas que fornecem dados relevantes para a estratégia de marketing digital.

Lembre-se de que os conteúdos gerados precisam entregar valor para seus clientes e fazer com que eles se aproximem ainda mais da decisão de compra.

Isso quer dizer que a chave é produzir conteúdos que convertem em vendas. Assim seu e-commerce irá otimizar o tempo e utilizará menos recursos para conquistar clientes.

Concluindo…

As mudanças têm impactado todos os segmentos. E é fato que as estratégias de marketing digital precisam se adequar aos novos comportamentos para continuarem sendo uteis para seu e-commerce.

Para isso, garanta que seu e-commerce esteja sempre atualizado com relação ao mercado.

Conte com a ajuda especializada da Plataforma de e-commerce egondola, somos a solução para sua empresa no Brasil e Paraguai.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EGONDOLA NEWSLETTER

Cadastre-se para receber conteúdos sobre e-commerce, marketing e tecnologia.

Facebook Egondola

Tags

Post's mais acessados

Rapport: uma importante arma de persuasão para seu e-commerce

Dicas de Venda

Facebook: novidades que afetam seu e-commerce

Soluções

Live shop: tendência momentânea ou realidade?

Tecnologia

América latina: nova potência mundial do e-commerce

Ecommerce

Abra a sua loja online.
Não se preocupe, nós iremos te ajudar.

Comece agora