Conecte-se conosco

Tecnologia

YouTube e e-commerce em 2021

O Youtube é um fenômeno mundial já faz algum tempo, mas a pandemia fez com que surgisse um novo elemento: YouTube como divulgação de e-commerce. Como seu e-commerce pode tirar proveito dessa ferramenta?

YouTube como fomentador do e-commerce

No final do mês de janeiro, o YouTube compartilhou quais seriam as prioridades para 2021. E essas informações podem beneficiar seu e-commerce. Como assim? Porque o YouTube promete aumentar a receita de produtores de conteúdos parceiros e reforçar o e-commerce na plataforma.

E por que o YouTube tomou essas decisões? O principal motivo é o impacto causado pela pandemia de COVID-19. Durante o primeiro trimestre de 2020, o tempo de exibição aumentou em 25% no mundo todo. E na primeira metade do ano, as transmissões ao vivo diárias aumentaram em 45%.

Receita para criadores de conteúdo

Outro fator importante é que o número de parceiros no YouTube dobrou em 2020. Por isso, o YouTube decidiu aumentar a receita para estes parceiros. E para isso, foi decidido a diversificação de fontes de receita.

Os serviços de assinatura Music e Premium tem crescido rapidamente, alcançando mais de 30 milhões de membros pagos no terceiro trimestre de 2020. Sendo que tanto os criadores de conteúdo como os artistas estão encontrando novas maneiras de se conectar com seu público-alvo.

Além disso, uma das prioridades é manter uma postura de responsabilidade com relação a temas sensíveis. Um exemplo é relacionado a vídeos sobre saúde. O YouTube decidiu remover conteúdos que os especialistas dizem que podem levar a danos no mundo real, recomendar conteúdos confiáveis, reduzir as visualizações de conteúdos duvidosos e recompensar os criadores que atenderem aos requisitos para monetização.

Futuro do e-commerce

O YouTube decidiu que mais três recursos serão lançados esse ano. O primeiro é o Shorts, uma ferramenta que irá rivalizar com o TikTok na produção de vídeos curtos. O Shorts ainda está em fase de testes na Índia, mas está recebendo 3,5 bilhões de visualizações diariamente. Além disso, o YouTube quer facilitar a exibição dos conteúdos em telas maiores.

Para o e-commerce, o YouTube está testando um novo recurso que irá levar o usuário para uma página de compra após a visualização de um vídeo. Qual o motivo desse investimento? Porque 70% dos usuários decidem comprar após ver uma análise na rede social. Sendo assim, investir nesse recurso é uma grande jogada.

Quer levar sua empresa a outro nível?

Não fique de fora das tendências, conte com a ajuda especializada da Plataforma de e-commerce egondola!

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EGONDOLA NEWSLETTER

Cadastre-se para receber conteúdos sobre e-commerce, marketing e tecnologia.

Facebook Egondola

Tags

Post's mais acessados

Rapport: uma importante arma de persuasão para seu e-commerce

Dicas de Venda

Facebook: novidades que afetam seu e-commerce

Soluções

Live shop: tendência momentânea ou realidade?

Tecnologia

América latina: nova potência mundial do e-commerce

Ecommerce

Abra a sua loja online.
Não se preocupe, nós iremos te ajudar.

Comece agora